Conheça as 3 motos mais econômicas aqui!

Quem procura por um veículo mais leve, econômico e que vá otimizar o tempo e melhorar a mobilidade no dia a dia não deve escolher qualquer modelo. É importante saber exatamente o que você espera da moto que vai adquirir para, então, escolher aquela que vai atender às suas necessidades considerando seu custo-benefício.

Existem motos mais econômicas do que outras e, nem por isso, elas perdem em qualidade, beleza, estilo e utilidade. Para ajudar você nesse desafio, preparamos este artigo com dicas sobre como determinar a motocicleta mais adequada ao seu estilo, além de uma lista com os modelos mais econômicos da Honda. Confira!

Como escolher a moto mais adequada ao seu perfil?

O custo-benefício de uma moto depende muito do seu perfil e de como você vai usá-la. Para quem a utiliza para o trabalho, o ideal é que ela seja leve, simples, econômica e funcional. Para os motociclistas que gostam de viajar, o conforto deve ser adicionado a essa lista de atributos.

Por isso é tão importante que você conheça o seu perfil e saiba quais serão as suas necessidades em relação à moto. Assim, poderá determinar o que a torna mais econômica de acordo com o seu tipo de uso. Uma alternativa é procurar modelos mais baratos e adequá-los com acessórios, por exemplo, dependendo do que você precisar.

Também vale a pena pesquisar muito sobre as motocicletas que mais agradarem você. Busque informações sobre consumo de combustível, gastos com tributos e seguro.

Quais as motos mais econômicas da Honda?

1. Honda CG

Clássica, essa moto já tem quase 50 anos e está entre as preferidas dos motociclistas que buscam economia de combustível e baixo custo de manutenção. Robusta e econômica, é uma motocicleta perfeita para quem vai usá-la no dia a dia. São vários modelos para que você possa pesquisar e escolher:

  • 125i Fan: com consumo médio de combustível de 42,7 Km/l, ela custa em torno de R$ 7 mil;
  • 125i Cargo: o preço é semelhante ao do modelo anterior, mas com média de consumo maior, em torno de 40 Km/l;
  • 160 Fan: o custo é de aproximadamente R$ 9 mil. Faz cerca de 35 Km/l de combustível;
  • 160 Titan: vendida a R$ 10,2 mil, sua média de consumo é igual à da Fan, 35 Km/l;
  • 160 Cargo: o consumo é um pouco mais alto, atingindo 33,5 Km/l. Custa cerca de R$ 9 mil.

2. Honda Biz

Essa motoneta, que oferece ao motociclista a comodidade de permanecer sentado em vez de montado nela, deve ser escolhida por quem vai usar o veículo na cidade. Sua média de consumo de combustível é de 40 Km/l, mas pode melhorar dependendo das condições de trânsito, de uso e de manutenção. Seus modelos custam entre R$ 7,6 mil e R$ 9,4 mil.

3. Honda Pop 110i

Com preço de aproximadamente R$ 5,6 mil, essa Honda é prática, simples e durável. Ótima para o dia a dia, aliando conforto e baixo custo de manutenção. Tem o melhor desempenho entre todos os modelos citados, fazendo 55 Km/l de gasolina.

Quais as dicas para economizar na compra de moto?

A procura por motos mais econômicas também deve levar em consideração alguns fatores que vão ajudar a economizar na hora da compra. Entre eles, está a forma de pagamento. Se você optar por um financiamento, quanto maior for o valor da entrada, menor será o valor dos juros embutidos nas prestações.

Mas a opção mais segura e econômica para quem não puder pagar à vista é o consórcio, que tem parcelas fixas e sem juros facilitando a sua programação financeira. Além disso, você não precisa dar uma entrada, é possível usar suas economias para oferecer um lance nas assembleias do grupo.

Conhecer as motos mais econômicas e saber qual o seu perfil de uso do veículo vai ajudar a optar por aquela mais adequada para você. Assim, as chances de ter surpresas com gastos maiores do que o esperado são menores.

Quer uma ajuda extra para escolher a sua próxima moto? Entre em contato conosco!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *